Taipas recebe a 3º etapa do Circuito Sampa Skate 2011

Informações: Sumatra Mkt

área de competição

Neste fim de semana (18 e 19), o distrito de Taipas, recebeu mais uma etapa do Circuito Sampa Skate 2011. Reafirmando sua missão de levar competições de skate para todas as regiões de São Paulo, o Sampa acaba se afastando do centro, o que causa uma diferença no seu público. O que é ruim para uns, é bom para outros, com a participação de vários atletas da região, que nunca antes participaram de campeonatos.

Mais uma vez o campeonato transcorreu perfeitamente, com excelente nível técnico em todas as categorias e dando oportunidade para aparecer novos talentos do skate nacional. A distância reduziu o numero de participantes, mas deixou dados interessantes, como aproximadamente 25% dos freqüentadores assíduos do circuito estavam presentes, e o restante era composto por moradores da região.

Yean Florêncio, bs boardslide

As baterias começaram no sábado (18) pela manhã, com as categorias Mirim, Iniciante e Amador 2. A categoria Mirim foi uma das boas revelações do evento, mostrando uma criançada com muito talento e vontade de evoluir. Os destaque principais foram para Wacson Mass, que mostrou uma base de veterano mandando manobras como 360 flip e fs flip, impressionando o público. Porém, a vitória ficou com Danilo Vermont, que acertou sua linha inteira com destaque para um fs flip rockslide descendo o corrimão.

Em seguida foi para pista a categoria Iniciante. Vários atletas mostraram boas manobras, como o vencedor Yuri Sapucaia, que mostrou muita base em manobras de switch stance. Outro destaque da categoria foi o pequeno Luiz Francisco Mariano, que com idade para competir no Mirim assumiu que tem nível e avançou para a categoria Iniciante conquistando a segunda colocação na etapa.

Finalizando o sábado, foram para a pista os atletas da categoria Amador 2. Yean Florêncio Ferreira fez valer sua experiência em etapas do Sampa Skate e mostrou estar em sintonia com a pista, utilizando todos os obstáculos, inclusive a rampa reta. Porém, a vitória ficou com Vitor Cardoso, que acertou todas as manobras de sua linha, mandando ótimas variações de flip como double flip varando o spine menor e flip grind descendo o caixote.

pódio feminino 1

Já no domingo, as baterias ficaram reservadas para as meninas (Feminino 1 e 2) e da principal categoria em disputa, o Amador 1. Apesar de serem categorias diferentes, as duas baterias femininas foram disputadas simultaneamente, com Juliana Almeida vencendo Ana Flávia Sella pela categoria Feminino 2 e Pamela Leite Rosa vencendo a categoria Feminino 1.

Já no Amador 1, vimos uma prova de como o skate brasileiro esta forte, tanto pela quantidade de atletas de ponta como pelo nível técnico de skate apresentado. Vários atletas de nível não conseguiram passar para a final, que foi bastante disputada. O vencedor foi Victor Diego, que acertou sua linha inteira, varando o spine grande de bs ollie e finalizou sua volta com um flip fs rockslide reverse na trave. Willian Damascena, que ficou em segundo lugar, também acertou boas variações de switch stance e nollie, como um nollie heel flip 360 na rampa reta. Outros skatistas merecem destaque, como Bruno Placca que acertava over crooked na trave com facilidade e Sérgio Nery, que acertou manobras difíceis como nollie noseblunt e ss fs bluntslide na trave e foi escolhido para integrar o Flow Team da Mad Rats.

pódio amador 1

“Falem o que quiser, mas o Sampa Skate é foda”. Esse simples relato da jornalista Helga Simões resume um pouco do sentimento do evento. Produtora da Fuego Skate, editora do Skate Paradise da ESPN e figura cativa dos principais acontecimentos do skate, Helga fala com propriedade do assunto. A próxima etapa do Sampa Skate será já neste próximo fim de semana, dias 02 e 03 de Julho, no Balneário Garcia D’Avilla, na rua Armando Silva 744.

O Sampa Skate é uma realização da Prefeitura de São Paulo, através da Secretaria Municipal de Esportes, Lazer e Recreação, e conta com patrocínio da Mad Rats, cobertura ESPN e organização Associação Ativação.

Ariane Peres, b/s noseslide

Final Mirim:
1º- Danilo Vermont
2º- Wacson Mass
3º- João Victor Alves Da Silva
4º- Igor Araujo De Souza
5º- Andre Luiz Bassan
6º- Andre Vinicius Canettieri Mariano
7º- Renzo Horta França
8º- Gustavo Bergamini
9º- Ruan Horta França
10º- Mateus Freire Da Silva

Final Iniciante:
1º- Yuri Sapucaia
2º- Luiz Francisco Mariano
3º- Kevin Jonathan
4º- Douglas Silveira Fernandes
5º- Pedro Henrique Salm
6º- Jose Igor Dos Santos Alencar
7º- Murilo Correa
8º- Thiago Monteiro Borges
9º- Alexandre Augusto
10º- Davi Wesley Santos

Final Amador 2:
1º- Victor Abrahão Cardoso
2º- Yean Florencio Ferreira
3º- Lucas Cicolo
4º- Alef Douglas Dos Santos Rocha
5º- Marcel Dias
6º- Elvis Robson Felix
7º- Diego Augusto De Abreu
8º- Philip Izidio Santos
9º- Douglas Dias
10º- Gabriel Silva Guimarães

Final Amador 1:
1º- Victor Diego
2º- William Damascena
3º- Bruno Placca
4º- Thiago Vinicius Ramos
5º- Sergio Nery França
6º- Renato Seixas Rodrigues
7º- Claudio Da Silva Carvalho
8º- Andre Luis Da Silva
9º- Victor Souza Silva
10º- Marco Antonio Marquinho

Final Feminino 2:
1º- Juliana Lima De Almeida
2º- Ana Flavia Golmia Sella

Final Feminino 1:
1º- Pamela Leite Rosa
2º- Jacqueline Damasceno
3º- Ariane Peres
4º- Monica Torres

Postagens mais visitadas deste blog

Como foi o 'Fronstreet', campeonato de skate em Fronteira/MG

Circuito Switch AM 2015

O corre de Abstrato Beats e Yannick