23.3.11

Léo Spanghero é campeão do Maremoto 2010

Léo ganhou etapa final e Ranking 2010 em Guaíra, faturou 2 motos 0km (blunt)

Rodil Jr. Ss 360 flip nas alturas

Distribuindo cerca de R$ 20 mil em premiação para os melhores da etapa e também aos campeões do ranking 2010, a cidade de Guaíra/SP recebeu nos dias 19 e 20 de março a etapa dupla Your Face do Circuito Maremoto de Skate. Foram mais de 280 competidores vindos do RJ, MG, MS, GO, DF e, claro, de SP. Vários profissionais também estiveram presentes no evento, para competir no Best Trick Qix Pro.

Área Maremoto no Ginásio do Parque Maracá
O Ginásio do Parque Maracá recebeu pela segunda vez a área de competição Maremoto, desta vez pintada de verde. Um palquinho ficou ao lado da quadra pra galera esticar as pernas, que também contava com a pista pública local para os treinos. Apesar do tempo indefinido, com pancadas de chuva esporádicas, o clima em Guaíra foi de calor o final de semana todo. Como ano passado tivemos eventos (eleições e Copa do Mundo) que atrapalharam o cronograma do Circuito, esta primeira etapa de 2011 também serviu para finalizar o ranking 2010, fato que permitiu competir nas duas categoria skatistas que subiram de nível.

Gabriel Fortunato, fs flip pro solo

Jéssica Florêncio, hard flip

Mirim, iniciante e feminino 1
No sábado (19), os mirins começaram as atividades da etapa dupla, com vitória de Luiz Francisco (Luizinho), de Lorena/SP, que também faturou o ranking 2010 mirim (Playstation2), vencendo 3 das 4 etapas. Os profissionais Thiago Garcia, André Hiena e Marcos Hiroshi ficaram com a difícil tarefa de definir os melhores da etapa. As garotas também competiram no sábado e o ranking 2010 feminino 1 (filmadora digital) e a etapa ficou para Ester Perussi, de Sertãozinho/SP, que também venceu 3 de 4 etapas.

Ester, crooked

Já a disputa do ranking iniciante estava entre Matheus Teixeira, de São Paulo/SP e Yean Florêncio, de Artur Nogueira/SP. Matheus levou a etapa e Yean ficou em 3º. Na definição do ranking e com o descarte da nota da pior etapa, os dois empataram (venceram duas etapas e tiveram um 2º lugar cada). Neste caso, a nota de descarte serviu para desempate e o ranking 2010 iniciante ficou com Yean Florêncio pela 3ª colocação na 4ª etapa, sendo que Matheus teve uma 10ª colocação na 3ª etapa (Olímpia).

Diego Fiorese, flip nosegrind

Amador 2 e amador 1
No domingo (20) o dia foi tão concorrido e trabalhoso quanto o sábado, pois foram mais de 15 baterias eliminatórias nas duas categorias concorrentes. No amador 2, a etapa ficou com Victor Abrahão (Vitú), de São Paulo/SP, que estreou muito bem na nova categoria. Já o ranking 2010 amador 2 ficou com o piracicabano Jhonatas Souza, o Jhow, que levou pra casa um notebook.

Ginásio do Parque Maracá

A competição amador 1 também foi bastante concorrida, tanto que foi decidido que não aconteceria semi-finais e 15 skatistas disputariam a final. Como alguns dos concorrentes diretos não passaram para a final, a definição do ranking ficaria entre Microfone e Léo Spanghero. E foi a segunda volta de Léo que o sagrou campeão da etapa, o cara distribuiu muito bem as manobras na área e errou apenas uma switch flip noseslide. Levou a moto extra da etapa e a moto do ranking 2010 amador 1.

Denis Silva, flip crooked

Best Trick Qix Pro
Entre uma bateria e outra, os profissionais Fábio Castilho, Rodil Ferrugem, Diego Oliveira, Denis Silva, Kelvin Hoefler, Stanley Inácio, Diego Korn, Leandro Saguão, Bruno Maranhão, Michel Pereira, Paulinho Barata, Diego Fiorese, Caleb Rodrigues e Wanderley Arame se acostumavam com a área e treinavam a manobra para o Best Trick. Infelizmente o Rodil torceu o pé no sábado e não andou muito na área, mas o cara não deixou de prestigiar as competições nos dois dias, conversando e interagindo com a galera.

Fábio Castilho, grind subindo

A disputada do Bes Trick foi no sistema jam session ordenada. Bruno Maranhão tentou descer uma borda da arquibancada, mas não rolou. Denis Silva atacou de nollie crooked nollie flip out no spine, onde o Kelvin também acertou um complicado flip cabalerial b/s boardslide reverse e outra igualmente difícil no cano descendo do Zé do Caixão, um switch 270 blunt reverse. Paulinho Barata acertou um b/s ollie 360 varando a mesa do spine. Foram estas as manobras acertadas no tempo estipulado pela organização. Kelvin, Denis e Barata ficaram em 1º, 2º e 3º, respectivamente. Mas foi fora do tempo que saiu a trick mais comemorada: o Castilho acertou um cabreríssimo hard flip transfer blunt, momento em que o Ginásio veio abaixo. E assim foi a etapa dupla do Maremoto em Guaíra/SP. Agora é aguardar as próximas etapas. Até lá!

Diego Korn, fs flip no 3º andar




Vídeo do Amador 1 e Best Trick Pro: