9.2.10

Não falamos que seria uma festa?

Lélio Pimenta, grindeando numa boa

Sabadão (6) nada mal para aqueles que estiveram na goma do Boca, em Franca. Foi uma tarde de muito skate, churras e diversão na mini que serve pros rolês mais desbaratinados.

Descontração total no sabadão

Entre os presentes, podemos destacar que estiveram reunidos skatistas de duas gerações do skate Francano, além dos Ribeirãopretanos Juruna e Corujá. Nem a chuva, que refrescou o final da calorenta tarde de sábado, diminuiu os ânimos da galera e a festa rolou noite a dentro. A trilha sonora era feita apenas com vinil, classe total!

Rafael Lourenço, ollie to f/s walride

Agradecemos ao Boca, por abrir as portas de sua casa para a confraternização e também a todos que estiveram presentes. Agora é aguardar para ver quando será o próximo encontro porque motivo para festejar, todos nós temos. É só marcar!

Popolita e Fernando Juruna