Mais uma pérola desse nosso Brasa!

O que esperar de uma mistura dessas: obra feita em ano eleitoral, sem acompanhamento técnico (leia-se skatista inteirado envolvido no bagulho) em uma cidade sem expressão no skate. Resultado: Pista meia boca popularmente chamada de caixa de fósforo!

Fotos: divulgação

Sempre acreditei que querer fazer é diferente de conseguir realizar. No mínimo a prefeitura tinha que tirar como base pistas públicas de cidades da região. Agora, falar que não se acerta na primeira realmente mostra a honestidade que esse administrador tem com o dinheiro público. Lamentável!

E o bagulho está pegando fogo pelos lados de Alfenas, dá um confere AQUI e veja como andam os comentários da notícia abaixo.

Texto extraído do jornal Alfenas Hoje:

Pista de Skate é inaugurada e já pode ser reformada em Alfenas/MG

ALFENAS - A pista de skate “Saulo Davi da Silva”, inaugurada na manhã deste sábado (07/03), na avenida Jovino Fernandes Salles (em frente à academia do Elivelton) pode sofrer uma reforma a curto prazo. O motivo é o pequeno espaço para manobras dos atletas. Durante a inauguração, a obra foi criticada pelos skatistas , pelo secretário de esportes Boa Ventura Passos Vinhas e até pelo prefeito Pompilio de Lourdes Canavez, que prometeu aumentar e cobrir a pista.

Vários atletas compareceram na inauguração, muitos de cidades vizinhas. A opinião de todos os entrevistados pelo Alfenas Hoje foi unânime: “Pista pequena e perigosa”. O perigo seria o `obstáculo` (rampa) conhecido por “45 graus”. Segundo os atletas, a rampa ficou muito íngreme, com `baque´ e pouco espaço após a descida”.

“Sinceramente não gostei. Na descida (da rampa) podemos acertar o corrimão ou a parede porque o espaço é muito pequeno”, observa o atleta Douglas Rodrigues, 16 anos. “Dava para ficar maior e a rampa está inclinada demais, tinha que ser mais suave e mais cumprida”, completa Anderson de Souza Serafim, 17 anos, e há quatro praticando a modalidade. Ambos moram em Alfenas.

Para os visitantes, o problema da pista também é visível. Renan de Paula, 18 anos, morador da cidade de Elói Mendes veio conhecer a primeira pista de skate de Alfenas e também fez as mesmas críticas dos atletas locais. O rapaz destacou que a “45 graus”, em pouco espaço, pode representar perigo. Ele convidou a conhecer a pista de Elói Mendes, que, segundo ele, “lá é firmeza e bem grande”. Leonardo Fernandes, 20 anos, atleta de Varginha, concorda com o colega de Elói Mendes: “Deveria ser maior e com a descida mais suave”.

Prefeito e Secretário

O Secretário de Esportes, Boa Ventura Passos Vinhas, reconheceu que a pista poderia ser maior. “De fato ficou pequena, mas como é a primeira ficou bom’, disse ele, lembrando que o “objetivo é fazer uma em cada bairro”. Ele não falou quando começaria a construção das outras pistas, mas “a próxima será no Bairro Vila Esperança”.

“Claro que a gente não consegue da primeira vez”, disse, durante a inauguração, o prefeito Pompilio Canavez, reconhecendo as falhas da pista. Ele garantiu que a pista será coberta e ampliada. “Vamos deixar melhor que outras cidades porque aqui a gente sabe fazer também”, concluiu.

Presidente da ASA

O presidente da ASA (Associação dos Skatistas de Alfenas) Fabio Sossur, mais conhecido como “Fô”, afirmou que havia comunicado vários órgãos da prefeitura, além de vereadores da base do prefeito, que a pista estava ficando “pequena e perigosa”. Ele conta que em “nenhum momento avaliaram minha observação”.

As criticas de “Fô” não se resumem apenas ao espaço da pista. Segundo ele, faltou iluminação noturna, banheiros e bebedouro para os atletas.

“Acho que esta pista é para justificar uma lei contra os skatistas, que agora não poderão mais praticar o esporte em praças, pois vão dizer que tem a pista e por isso não podem usar esses espaços públicos”, analisou o presidente da ASA.

Pista "Saulo Davi da Silva"

O nome dado à pista de skate - “Saulo Davi da Silva” - é uma homenagem ao jovem morto em acidente na rodovia Fernão Dias no ano de 1990. O rapaz estava com 23 anos.

Segundo a família, Saulo era “apaixonado” por esportes e seguia a linha dos “Franciscanos” da Igreja Católica. O rapaz era morador do bairro Jardim Boa Esperança, onde a pista foi inaugurada. Se estivesse vivo, Saulo estaria completando 43 anos.

Fonte : www.alfenashoje.com.br (Henrique Higino)

Postagens mais visitadas deste blog

Como foi o 'Fronstreet', campeonato de skate em Fronteira/MG

Circuito Switch AM 2015

O corre de Abstrato Beats e Yannick